Está aqui

Princípios de ayurveda

Ayurveda significa literalmente "a ciência da vida", e representa o mais antigo sistema médico complexo sobre princípios de estilos de vida saudáveis.

As antigas escrituras
O estudo dos Vedas sagrados

A Origem da Medicina Ayurvédica

Ayurveda significa literalmente "a ciência da vida", e representa o mais antigo sistema médico complexo sobre princípios de estilos de vida saudáveis. A origem dos seus ensinamentos data das antigas escrituras indianas (Vedas). Estas escrituras surgiram da realização interior dos Sábios iluminados (Rishis).

RishisOs primeiros escritos significantes sobre Ayurveda (Charaka Samhita), apareceram por volta do primeiro milénio A.C. Os segundos escritos académicos (Sushruta Samhita), surgiram um século mais tarde e abordam a cirurgia ayurvédica. O terceiro documento ayurvédico mais importante (Asthanga Hridaya) é do 7º século D.C. e é uma excelente compilação de dois escritos anteriores. Entre o 5º século A.C. e o 5º século D.C. os princípios ayurvédicos espalharam-se por todos os cantos do mundo – China, Tibete, Pérsia, Arábia, Egito, Grécia e Roma – onde se misturaram com as tradições locais e os hábitos culturais. Isto serviu como base comum para vários novos ensinamentos e sistemas de medicina natural. Deste modo, ayurveda é vista como "a mãe de todos os sistemas médicos".

A Perspetiva Ayurvédica

Ayurveda representa uma abordagem de cura holística e simples. O seu objetivo é conhecer-se a si mesmo e revelar causas profundas que condicionam a sua saúde. Tenta perceber o núcleo do problema e descobrir a causa primária da doença, quer tenha tido origem numa dieta inadequada, estilo de vida, marcas hereditárias, pensamentos negativos ou emocionais e desequilíbrio energético. Wisdom eyesDá-nos uma perspetiva mais amplas do contexto das condições, o que cria e afeta o nosso estado mental e físico. A prática Ayurvédica acima de tudo, apela à prevenção consciente e estilo de vida saudável, porque é sempre mais fácil curar uma doença nas suas fases iniciais, do que deixa-la desenvolver-se, resultando em danos nos tecidos. Setenta por cento das doenças, são originadas devido a uma dieta incorreta. Por esta razão, uma terapia ayurvédica bem sucedida, depende antes de mais, de uma dieta adequada, e também da nossa força de vontade de mudar alguns dos nossos hábitos e estereótipos atuais, pois são eles muitas vezes a causa dos nossos problemas de saúde. Atitude certa, força de vontade sólida e determinação para enfrentar os nossos problemas de saúde, são o pilar do êxito.

Abordagem Ayurvédica

Ayurveda entende o ser humano como um indivisível e mutuamente interligado complexo de corpo, energia vital, mente e alma. Não se foca nos sintomas, mas sim nas causas de desequilíbrio psicossomático, que precedem todas as doenças. Um sintoma é entendido apenas como um sinal de aviso de que algo está errado com o corpo e de que um nível mais profundo de correção é necessário. Assim, de acordo com os princípios de estilo de vida saudável, a Ayurveda tenta restaurar o estado natural de harmonia no corpo humano, que se manifesta como saúde mental e física. Seguindo um programa de mudanças positivas, incluindo uma dieta adequada e o uso regular de ervas, é possível eliminar vários problemas de saúde e doenças persistentes como problemas de pele, problemas respiratórios, transtornos digestivos, enxaquecas, obesidade, problemas circulatórios e dificuldades ginecológicas. Outras doenças como na coluna vertebral, doenças nas articulações e músculos, insónia, cansaço e stress, também podem ser curados.

Princípios Básicos

Cada ser humano nasceu com uma proporção única dos princípios biológicos ( doshas ) - vata, pitta, kapha (no Tibete – vento, bílis e muco), representando o código genético Elementos_doshasindividual que participa na formação das nossas caraterísticas físicas e mentais. Ao longo da vida, as proporções dos doshas alteram-se (vikrti) do seu estado original (prakrti) por várias razões, o que consequentemente, tem um impacto na nossa saúde mental e física. A consciência psíquica, pensamentos, emoções, relacionamentos, dieta, ritmo diário, estilo de vida, estação do ano e o ambiente envolvente, todos influenciam o equilíbrio e desequilibro dos doshas. Estes três princípios de vida primários, não podem ser entendidos separada e independentemente. As suas funções estão ligadas entre si e complementam-se. Conhecer o método de funcionamento de cada um destes doshas permite-nos reconhecer corretamente as suas manifestações em constituições combinadas, que representam os tipos psicossomáticos mais frequentes.

A Causa da Doença

A saúde é o estado ótimo de funcionamento harmonioso do corpo. Representa o equilíbrio entre os três princípios biológicos (vata, pitta, kapha), de acordo com a combinação original (vikrti), tecidos corporais e as suas funções, órgãos sensoriais, a mente e a consciência psíquica. Cada homem é dotado com uma VPKquantidade suficiente de senso comum, de modo a distinguir entre o que é conveniente e inconveniente ou saudável e prejudicial. O corpo humano dá-nos todas as respostas necessárias, sob a forma de sinais, que cada um escuta ou não. Cada emoção é uma resposta bioquímica a um problema particular, que se encontra a um nível mais profundo abaixo da superfície. O comportamento e modos de um homem vulgar, são determinados pelos seus desejos e paixões, que residem na mente. Esta mente, habitualmente insiste na sua realização, apesar dos danos causados a nível físico e como tal, por vezes abusa do corpo para obter o que deseja. Por esta razão, muitas das doenças têm origem na mente, muito antes de se manifestarem a nível físico. Têm origem na mente inquieta, desequilibrada e indisciplinada, que está cheia de ideias erradas. Deste modo, o desejo é a essência da ignorância, que contém o sofrimento, a doença e a dor. Só depois desta fase é que o impulso primário se começa a manifestar a nível físico, Sri Chinmoy_meditationdevido à acumulação de um dos princípios vata-pitta-kapha, num local específico do sistema digestivo de acordo com o seu centro. Consequentemente, vai originar transtornos nutritivos e regenerativos nos sete tecidos corporais (dhatus) e seguidamente à perturbação de alguma da energia vital. Este desequilibro corporal e este desvio do seu equilíbrio natural, resulta em diferentes tipos de doenças.

"Apenas o silêncio do coração pode curar a doença da mente." 
—Sri Chinmoy